Publicado em Pessoal

As pessoas ainda leem blogs?

pexels-photo (2)

Oi gente, tudo bom?

Dias atrás eu estava navegando na blogosfera e me deparei com um post que me fez refletir muito sobre a existência e a presença/participação de blogs na vida das pessoas atualmente. Essa matéria do blog da Jaqueline Campos (aqui) me fez levantar um questionamento de se ainda valia a pena continuar escrevendo em um blog, já que quase não existem pessoas que irão lê-lo . 

É nítido que a maior parte do público que vive atualmente na internet se encontra em redes sociais como o Youtube e o Insta gram. (Penso eu que) devido a isso quem vivia de blog se viu na necessidade de sair um pouco da blogosfera e ir para essas plataformas que, de certa forma, possuem uma maior popularidade e um alcance maior, o que acaba gerando uma quantidade maior de dinheiro.

Algo que de certa forma me deixou um pouco chateado em relação a essa mudança de plataforma e a produção de conteúdo de alguns blogueiros que eu admirava é mudança radical de comportamento dessas pessoas, o que muitos chamam de “perda da essência”. Claro que eu entendo que as pessoas mudam, mas eu quase não consigo mais reconhecer pessoas que eu acompanhava a 2 anos atrás, principalmente em relação ao conteúdo atual que as pessoas fabricam, e infelizmente muitos blogs acabaram sendo desativados e passaram a existir somente no YouTube. Essa “perca de essência” na qual eu me referi não foi (só) em relação a pessoa deixar de ser ela própria, afinal todos temos o direito de mudar e ser quem quiser. No entanto, atualmente eu não consigo diferenciar o conteúdo de um blogueiro x do conteúdo de outro blogueiro y, pois parece que todo mundo faz a mesma coisa, e no final não há quase ninguém que se destaque por fazer diferente. 😦

Atualmente, a internet está cada vez mais sendo movida pelo dinheiro, o conteúdo hoje tem que ser aquele que chame a atenção do público (e eu entendo, isso é estratégia de marketing). Porém, como um bom leitor, eu sinto falta de saber como foi o dia a dia das pessoas, coisas que, de certa forma, me aproximem como leitor da vida de blogueiros/pessoas que eu admiro. Eu não quero saber só o que você está vestindo, que maquiagem você está usando, ou se você vai viajar semana que vem pra um evento de alguma marca. Eu também quero saber mais sobre o seu dia, sua chegada até a escola, alguma situação engraçada que aconteceu contigo no ponto de ônibus, coisas assim sabe. É triste saber que canais que produzem esse conteúdo mais pessoal acabam não sendo tão reconhecidos. Para quem estiver lendo isso, eu digo que eu não pretendo mudar para qualquer rede social ou produzir um conteúdo que não tem nada a ver comigo apenas para me tornar mais popular (até porque eu não conseguiria, já que sou muito tímido). E eu ainda pretendo continuar com o meu blog, mesmo se não existir ninguém para ler, pois ele acabou se tornando algo muito pessoal, que até eu gostaria de ser meu próprio leitor.

“As pessoas ainda leem blogs?
As pessoas, não sei, mas eu sim” (J. Campos)

Um abraço e até o próximo post ❤

Anúncios
Publicado em Pessoal

Vai ficar tudo bem

blur-close-up-coffee-cup-405238

Oi gente, tudo bom?

Infelizmente nesses últimos dias eu acabei ficando muito doente, tinha caído água nos meu dois ouvidos e além de ter ficado com uma enorme dor de ouvido, começaram a surgir outros sintomas que fizeram o meu corpo ficar cada dia mais fraco. Não sei se vou melhorar até o dia que este post for publicado, por isso vim aqui contar como eu estava, pois sei que não vou conseguir planejar nada de novo para o blog neste momento. Então eu vim trazer aqui compartilhar com vocês um capitulo da Bíblia que sempre me ajudou a refletir em momentos de sofrimento, em momentos em que tanto o meu corpo quanto a minha mentem estavam fracas, e é lendo isso que meu coração se enche de esperança e me diz que situações como essa irão passar. 

Salmo 06 – Oração no Sofrimento

Ao mestre de canto. Com instrumentos de corda. Em oitava. Salmo de Davi.

Senhor, em vossa cólera não me repreendais, em vosso furor não me castigueis.

Tende piedade de mim, Senhor, porque desfaleço; sarai-me, pois sinto abalados os meus ossos.

Minha alma está muito perturbada; vós, porém, Senhor, até quando?…

Voltai, Senhor, livrai minha alma; salvai-me, pela vossa bondade.

Porque no seio da morte não há quem de vós se lembre; quem vos glorificará na habitação dos mortos?

Eu me esgoto gemendo; todas as noites banho de pranto minha cama, com lágrimas inundo o meu leito.

De amargura meus olhos se turvam, esmorecem por causa dos que me oprimem.

Apartai-vos de mim, vós todos que praticais o mal, porque o Senhor atendeu às minhas lágrimas.

O Senhor escutou a minha oração, o Senhor acolheu a minha súplica.

Que todos os meus inimigos sejam envergonhados e aterrados; recuem imediatamente, cobertos de confusão!

Um abraço, fiquem com Deus e até a próxima 

Publicado em playlist

Playlist: mood

mood
Photo by Demeter Attila

Oi gente, tudo bom?
Eu sei que era para eu ter publicado algo segunda, mas eu estava precisando de um tempo para poder refletir e afastar de tudo ao meu redor. Embora eu não esteja tão mal quanto estava alguns dias atras, eu ainda estava tendo algumas crises de ansiedade, e isso sucedia em momentos de ressentimento tanto por não saber o porquê disso estar acontecendo quanto por não ter forças para controlar isto. Resolvi então compartilhar aqui algumas musicas que me ajudaram a desligar um pouco desse mundo. Apesar de não ter conseguido controlar minha ansiedade, elas me ajudaram a ficar cada dia menos hiperativo, o que já é um grande avanço para mim. Eu também espero que essas musicas ajudem, de alguma forma, você que está tendo esses mesmos sentimentos que eu. 😊

Um abraço e até mais 😊

Publicado em Pessoal

Voltei

aula pratica

Oi gente, tudo bom? Antes de mais nada, eu gostaria de dizer que eu voltei pro blog. (-Mas pela milésima vez?) (-Infelizmente sim). Se fosse só por mim eu nunca teria abandonado o blog, mas tiveram momentos em que eu tive que tirar o pouco do tempo que tinha pra postar no blog pra me dedicar à outras coisas, principalmente aos meus estudos, que exigiram mais da metade do meu tempo (já que eu vivo na escola).

Uma palavra que definiu o meu 2017 foi estudos, o tempo que eu tinha pra sair, me divertir, ou até mesmo dormir, eu resolvi deixar pra estudar. Isso refletiu nas minhas notas, que pra mim foram de ótimo agrado, porém ainda me pergunto se tudo isso valeu a pena. Foram inúmeras as vezes que minha família me chamou pra sair, ou até mesmo meus amigos me convidaram pra algo, e eu tive que recusar porque estava estudando, ou até mesmo as vezes que eu virei a noite estudando. Claro que também foram muitas as vezes que eu dormi em cima do meu meu material enquanto estudava, que eu ia dormir uns minutinhos e acabava desmaiando de sono (faz parte). Mas esse estudo excessivo me trouxe uma serie de desvantagens (pois eu não estudava só pra passar e sim pra tirar ótimas notas, eu sempre tive essa paranoia em relação a notas por causa da faculdade) uma delas foi que de Setembro pro resto do ano eu dormia na sala de tão cansado que eu tava (claro que só em algumas aulas), eu dormia na hora do intervalo, no horário de almoço, e até nas poucas aulas vagas que eu tinha. 

E se tem uma lição que eu aprendi com isso tudo foi pra não deixar tudo pra ultima hora, e tentar ser o mais organizado possível. Eu tentava deixar pra fazer todas as atividades da semana no sábado ou no domingo, e isso me trouxe um grande problema. Pois bem, tudo mundo sabe que no IF, quando um professor passa trabalho, todos passam trabalho, e nunca que eu iria conseguir fazer tudo em só dois dias, e por isso eu fui sempre deixando pra depois, pra depois, e isso acabou se tornando uma bola de neve enorme que veio me acertar justamente na semana de provas. Ou seja, na semana de provas eu tinha que me preocupar com as provas, obviamente, com o prazo de entrega dos trabalhos e as atividades né, pois se eu deixasse de fazer UMA sequer, eu não tinha  mais direito a recuperação. E isso me fez virar noites e noites pra terminar de fazer minhas atividades, pra fazer o resumo da matéria, e pra estudar o resumo pra prova. (Bem legal né) eu acabei enlouquecendo, tendo insonia a noite e sono excessivo durante o dia.

Algo que me confortou esse ano foi Deus, eu acho que Ele viu que eu estava me dedicando muito com os estudos e me abençoou neles. (Agora vocês me perguntam como isso?) (Pois bem queridos, eu não fiquei de recuperação em nenhuma matéria, AAAAAA) Por isso eu agradeço sempre, embora eu não merecesse (já que também fui pouco a missa, e eu me arrependo muito disso), embora não pude estar na igreja, algo que me deixou mais perto Dele foram as orações que eu fiz durante o trajeto de ônibus até a escola. 

O que eu realmente queria dizer é que eu não abandonei o blog tá, eu queria dizer que  voltei a todo vapor, mas infelizmente ainda não tenho um cronograma certo, de postagens semanais, para que eu possa trazer mais conteúdo pra vocês. (Olha, eu não prometo, nem juro nada, pois eu acho errado) mas eu vou tentar trazer um conteúdo semanal aqui no blog, ao menos um post por semana. (vão ter semanas que não vão ter na): vão, mas eu vou me esforçar ao máximo. Eu espero que vocês entendam que nem sempre a inspiração bate na minha porta, e que nem sempre eu vou estar bem para vim aqui escrever textos enormes como esse 😂. Sempre vão ter momentos em que eu vou estar triste, cansado, deprimido, e que disso não vai sair nada. Como eu sempre tento me transparecer aqui no blog, eu vou escrever nos momentos em que eu estiver mais animadinho. Ok?

Por favor, considerem. haha
Um beijo, um abraço, um cheiro😂, e até o próximo post

Publicado em Pessoal

Give my flowers, my sunflowers

No Girassol

🌻🌻🌻🌻🌻

Oi gente, tudo bom? Não sei nem como começar (voltar) a escrever, parece que foi há muito tempo atrás a ultima vez que escrevi alguma coisa nesse blog, que me dediquei a trazer um bom conteúdo para vocês. Pensando nisso até sinto um pouco de vergonha quando lembro que abandonei o blog durante um mês, pode parecer até pouco, mas eu me sinto triste ao pensar nisso. Embora eu fique triste ao lembrar que abandonei o blog, eu acho que preferiria isso à ter trazer “qualquer coisa” só pra manter meu blog atualizado, eu acho que se eu fizesse isso estaria com mais vergonha ainda. 😔

Não sei quando minha vida se tornou tão desorganizada (acho que desde sempre 😅), mas durante esse tempo que fiquei fora eu tive que abrir mão de algumas coisas para poder focar mais em outras,  no caso eu deixei de lado o blog, o estudo de design, e outras coisas que me satisfaziam, para poder conseguir focar totalmente na escola, nos meu estudos “normais” digamos assim. Para vocês terem ideia, nessas ultimas duas semanas eu tive praticamente três avaliações por dia, ainda por cima precisei ter que ir para a escola no sábado durante 4 semanas, ou seja, no sábado (o único dia que eu podia usar para fazer coisas para meu blog) eu tive que estudar, e como todo dia eu tinha tinha prova, ou eu estudava muito para uma prova e me ferrava em outra, ou estudava um pouco para as duas, e isso não deu espaço para eu pensar no blog.

Agora que esse tempo passou, eu pretendo produzir bastante conteúdo legal para vocês, para durarem por pelo menos uns dois ou três meses, e assim eu conseguir focar tanto no meu blog, quanto nos meus estudos normais, no meu projeto de ciências humanas, no meu projeto de pesquisa acadêmica, no meu projeto da feira de ciências, e no meu curso de Photoshop. 😰(É muita coisa, eu sei)

Enfim, eu estou passando aqui para dizer eu não desisti do blog, e que eu também nunca pretendo desistir do blog, afinal eu estou há quase 3 anos postando nesse blog, e não vou deixar isto em vão. Quero pensar em alguns projeto para eu fazer com outros blogueiros (talvez você também), quem sabe uma corrente de posts, para nos fortalecermos cada dia mais, porque eu sei que vida de blogueiro não é fácil, imagina sozinho, então vamos tentar ajudar os amiguinhos, não é mesmo? 😸😸

Só quero dizer que eu:

 

Publicado em Religioso

Reflexão

reflexao

Protege-me, ó Deus,
pois em ti me refugio.

Ao Senhor declaro: “Tu és o meu Senhor;
não tenho bem nenhum além de ti”.

Quanto aos fiéis que há na terra,
eles é que são os notáveis,
em quem está todo o meu prazer.

Grande será o sofrimento dos que correm atrás de outros deuses.
Não participarei dos seus sacrifícios de sangue,
e os meus lábios nem mencionarão os seus nomes.

Senhor, tu és a minha porção e o meu cálice;
és tu que garantes o meu futuro.

As divisas caíram para mim
em lugares agradáveis:
Tenho uma bela herança!

Bendirei o Senhor, que me aconselha;
na escura noite o meu coração me ensina!

Sempre tenho o Senhor diante de mim.
Com ele à minha direita, não serei abalado.

Por isso o meu coração se alegra
e no íntimo exulto;
mesmo o meu corpo repousará tranquilo,

Porque tu não me abandonarás no sepulcro,
nem permitirás que o teu santo
sofra decomposição.

Tu me farás conhecer a vereda da vida,
a alegria plena da tua presença,
eterno prazer à tua direita.

Salmo 16

Publicado em Pessoal

4 Sonhos de Consumo

large (5)

“Como se o silêncio dissesse tudo
Um sentimento bom que me leva pra outro mundo
A vontade de te ver já é maior que tudo
Não existem distâncias no meu novo mundo

Tipo coisas da sétima arte
Aconteceu sem que eu imaginasse
Sonho de consumo, cantar na sua festa
Vem dançar comigo
Aproveita e me sequestra
Amor vagabundo, intenso ou muita pressa
Não sei como termina, mas sei como começa.”

Bom, não sei como começar, mas acho melhor dizer oi, ultimamente tenho andando um pouco distante do mundo, não sei, fico com um turbilhão de ideias e pensamentos na cabeça. 

As vezes, viajo sem sair do lugar, vou para um lugar onde ninguém jamais foi, me sinto como se estivesse pisando nas nuvens, o cheiro doce do campo, o som da natureza, calmo como descida de um rio. Mas depois lembro que tenho que voltar pra vida real, então para não deixar que esses sonhos morram ou desapareçam eu vim compartilhar com vocês, alguns dos meu sonhos de vida, talvez planos para o futuro, talvez vontades momentâneas, não sei, a minha vida é assim, cheia de incertezas, duvidas e soluções.

Numero 1: Estudar um pouco mais

large (7)

Embora eu já estude bastante, eu queria ser um pouco mais organizado, não deixar acumular matéria, me esforçar ao máximo para conseguir uma boa nota, e principalmente, compreender o assunto e a linguagem enigmática dos professores.

Numero 2: Relacionar escola e blog

99a655b1ecd359128171378427a73754

Uma das coisas mais difíceis na manutenção de um blog é a manutenção dele, eu tenho esse há 3 anos, e uma das minhas maiores dificuldades é relacionar o meu blog com a minha escola, principalmente agora que estudo em uma escola de período integral, mas eu vou tentando, e até agora estou conseguindo realizar esse sonho de me expressar para as pessoas.

Numero 3: Ser mais gentil com as pessoas

HELPING-OTHERS--1024x728

Gentileza. Palavrinha leve, soa fresca como brisa de verão. Alimenta a boca de quem fala e aquece os ouvidos de quem escuta. (Neubüser, Martina)

Pois é, o mundo seria um lugar muito melhor se as pessoas fossem gentis umas com as outras, o fato de você se doar por alguém não tem preço, é algo que ao mesmo tempo que conforta a alma de um outro alguém, também aquece a sua, por isso vou fazendo a minha parte.

Numero 4: Ajudar o planeta

tumblr_muqo2zeoly1rx771wo1_1280Desde que comecei o curso de Técnico em Florestas eu me sinto cada vez mais próximo da natureza, e desde então tento contribuir com a minha parte para salvar o planeta, e sim, pequenas atitudes mudar o mundo, e quem sabe, reverter todo o prejuízo que o ser humano causou a natureza.

Eu espero que vocês tenham gostado desse post, eu até quero aproveitar para pedir desculpas por ter ficado quase duas semanas sem postar nada, não é por falta de vontade, e sim por causa de tempo, já que a semana de provas esta prestes a acabar eu acho que consigo me planejar, e voltar a escrever pra vocês. Um abração e tchau. ☺👏🏼