Publicado em Filmes, Filmes e Series

Analise: American Horror Story Coven

american-horror-story-coven

“American Horror Story: Coven conta a secreta história de bruxas e bruxaria na América. Mais de 300 anos se passaram desde os tempos turbulentos dos julgamentos das bruxas de Salem e aquelas que conseguiram escapar agora estão enfrentando a extinção. Têm sido feitos misteriosos ataques contra a sua espécie e as garotas estão sendo enviadas para uma escola especial em New Orleans para aprenderem a se proteger. No meio desse tumulto, está a recém-chegada, Zoe (Taissa Farmiga), que guarda um terrível segredo de si mesma. Alarmada com o recente ataque, Fiona (Jessica Lange) a muito ausente Suprema, volta para a cidade determinada em proteger O Coven, sem se preocupar em dizimar qualquer um que fica em seu caminho.“

A terceira temporada de American Horror Story trouxe um tema muito desejado e de muita atenção pela maioria das pessoas, bruxas. Quando o tema foi emitido criou-se uma grande expectativa em relação a essa temporada, pois com esse tema há bastantes coisas a serem exploradas, uma vez que quando falamos de bruxas sempre vem à mente: feitiços, maldições, enforcamento e fogueiras.

Depois de alguns episódios muitas fãs da série falaram que essa temporada tinha perco a essência da serie, já que a mesma tem como foco o horror, eu, particularmente, achei que a série teve bastantes cenas de horror, principalmente por conta de Delphine LaLaurie, que pra quem não sabe foi uma socialite estadunidense que ajudou a torturar e matar cerca de 96 escravos, uns dizem que é lenda, outros que é real, mas isso eu não tenho como contar a vocês.

Uma das coisas que mais me chamaram a atenção dessa temporada, além da personagem Misty Day, foi o fato de ela ter trago duas personagens que fazem parte da história de New Orleans, cidade onde foi gravada a série, Madame Delphine LaLaurie e Marie Laveau, uma conhecida praticante de vodu, sendo até hoje chamada de rainha do vodu, se vocês assistirem essa temporada vão perceber que há uma ligação muito forte entre as duas personagens, que apesar de serem de épocas distintas estão praticamente conectadas no presente.

Em toda a série há reviravoltas envolvendo dois clãs (Os descendentes de Salem e os praticantes de vodu) e enquanto os dois lados duelam para provar sua superioridade, os membros do Delphi Trust – uma organização secreta de caçadores – planejam acabar com todas as bruxas da América.

Essa temporada, em minha opinião, foi muito boa, não só pela atuação e pelos personagens marcantes, mas também pela sua produção, que parece ter sido pensada nos mínimos detalhes, pois a cada episódio há uma nova surpresa e traz momentos em que você vai sentir muita tensão, momentos em que você vai sentir nojo e raiva, e principalmente os que você vai chorar e sorrir. A temporada ainda contou com a presença de Patti LuPone e Stevie Nicks, que apesar de não terem aparecido muito na série, ainda sim a glorificaram com a sua atuação, e com a linda voz da Stevie.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s